quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Durante briga, travesti enfia agulha com sangue infectado com o vírus do HIV em mulher




hivita
Itapecuru-Mirim – Na semana passada em Itapecuru-Mirim, distante 120 km de São Luís, um caso chamou atenção da população. Um travesti, identificado apenas como Júnior e portador do vírus do HIV, se envolveu em uma briga com uma mulher, que preferiu não ter seu nome revelado, e teria tentado infectá-la com a doença.
Tudo começou depois de uma discussão e, segundo ela, tudo aconteceu muito rápido. O Júnior enfiou uma agulha no seu próprio corpo e depois aplicou nela, que não teve chance de defesa.
Em entrevista ao repórter William Vieira, do programa Balanço Geral Itapecuru, Júnior diz que faz um ano que descobriu que era portador do HIV e que tentou infectar a vítima para se defender e acabar com a vida dela.
O travesti foi preso, levado para a Delegacia Regional de Itapecuru e no dia seguinte liberado. Há informações que ele anda fazendo ameaças a várias pessoas moradoras do Conjunto Benedito Buzar, onde também reside. A Polícia precisar dar uma resposta. Já a mulher, passou por exames para saber se foi contaminada. O resultado deve sair nos próximos dias.
Fonte:  Blog do Alpanir Mesquita

Nenhum comentário:

Postar um comentário