quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Sogro de empresário morto em Buriti sofre tentativa de homicídio dois dias após morte do genro

Kaleu Torres, morto durante festa de "Momo" em buriti, ao lado carro usado pelo sogro que sofreu tentativa de Homicido no PI.
O comerciante Francisco Germano da Silva, conhecido como Mano do Lojão, sofreu uma tentativa de homicídio na noite de ontem(10), em Miguel Alves - PI (a 38 quilômetros de Buriti). O fato aconteceu quase dois dias depois que seu genro, Kaleu Torres,também empresário, ter sido assassinado na cidade. 

De acordo com o investigador Raimundo Araújo, da Delegacia de Miguel Alves, a ação aconteceu por volta das 18h40 quando o comerciante deixava o bar de sua irmã e seguia em direção a sua residência. 

Os tiros acertaram o tórax e o braço e Francisco Germano está fora de perigo, internado em um hospital particular de Teresina. 

“Eram dois elementos em uma moto que efetuaram uns seis tiros. Na hora, ele estava atendendo o telefonema de um fornecedor dele de Pernambuco e dizia que uma mulher ia matar ele. Mas, não sabemos que mulher era essa”, descreve o investigador Raimundo Araújo. 

Mano do Lojão era separado, mas mantém outro relacionamento amoroso. 
O investigador disse ainda que o delegado Paulo Nogueira está a caminho da cidade para iniciar as investigações. 

A polícia não acredita que haja ligação com o assassinato do genro em Buriti e essa tentativa, mas irá investigar todas as hipóteses. 

“Encontramos cápsulas de calibre 38 lá no Morro do Urubu onde aconteceu o atentado. Vamos investigar o possível causa dessa tentativa de homicídio”, declarou.  
Postado por 

Nenhum comentário:

Postar um comentário